Yoga

Updated
O que é o Yoga?

O Yoga é a linguagem de Deus. Se quisermos falar com Deus, temos de aprender a Sua língua.

Yoga é aquele que revela o segredo de Deus. Se desejamos conhecer o segredo de Deus, temos de nos lançar no caminho do Yoga. O Yoga é a união. É a união da alma individual com o Eu Supremo. O Yoga é a ciência espiritual que nos ensina como a Realidade Suprema pode ser realizada na própria vida.

O Yoga diz-nos até onde temos progredido em relação à realização de Deus. Fala-nos também do nosso papel destinado no Drama Cósmico de Deus. A palavra final do Yoga é que cada alma humana é um representante divino de Deus na Terra.

Agora vamos concentrar a nossa atenção no aspecto prático do Yoga. Existem vários tipos de Yoga: Karma Yoga, o caminho da ação; Bhakti Yoga, o caminho do amor e devoção; e Jnana Yoga, o caminho do conhecimento. Estes três são considerados como os tipos mais importantes de Yoga. Existem outros tipos significativos de Yoga, mas ou são ramos destes três ou géneros intimamente relacionados com eles.

Estes três servem como os três portões principais do Palácio de Deus. Se queremos ver e sentir Deus da forma mais doce e íntima, então temos de praticar o Bhakti Yoga. Se queremos realizar Deus na humanidade através do nosso serviço desinteressado, então temos de praticar Karma Yoga. Se queremos realizar a sabedoria e as glórias do Eu transcendental de Deus, então temos de praticar Jnana Yoga.

Uma coisa é certa. Estes três caminhos levam-nos à Auto-realização na Realização de Deus e à Realização de Deus na Auto-realização.

Pergunta: A meditação para as pessoas que participam nas suas sessões, é Yoga, ou estamos a falar de algo diferente?

Sri Chinmoy: É Yoga. Yoga inclui oração e meditação e espiritualidade em geral. Portanto, estamos definitivamente a praticar Yoga. Yoga é uma palavra sânscrita que significa união consciente com Deus. Conseguimos a nossa união consciente com Deus na força da nossa oração, meditação, aspiração e assim por diante.

Pergunta: O Yoga é considerado uma religião ou uma filosofia?

Sri Chinmoy: O Yoga não é nem uma filosofia nem uma religião. O Yoga transcende tanto a filosofia como a religião; ao mesmo tempo, aloja tanto a religião quanto a filosofia. Religião e filosofia podem levar um ser humano até ao palácio de Deus, enquanto Yoga significa união com Deus, a união consciente do homem com Deus. O Yoga conduz um aspirante ao trono de Deus.

Pergunta: O yoga pode ajudar-nos na nossa vida quotidiana?

Sri Chinmoy: Certamente. O Yoga ajuda-nos na nossa vida quotidiana. De facto, é o Yoga que pode servir como a ajuda suprema na nossa vida quotidiana. A nossa vida humana está cheia de dúvidas, medo e frustração. O Yoga ajuda-nos a substituir o medo pela coragem indomável, a dúvida pela certeza absoluta e a frustração pela conquista dourada.

Pergunta: Qualquer pessoa pode praticar Yoga?

Sri Chinmoy: Sim, qualquer pessoa pode praticar Yoga e pode ser praticado independentemente da idade. Mas é preciso compreender o que o Yoga realmente envolve. Infelizmente, no Ocidente, há muitas pessoas que pensam que Yoga significa posturas físicas e exercícios respiratórios. Isto é um erro deplorável. Estas posturas e exercícios são estados preliminares e preparatórios, conduzindo à concentração e meditação que só por si nos podem levar a uma vida mais profunda, mais elevada e mais plena. O Yoga não é algo antinatural, anormal ou não terreno. É algo prático, natural e espontâneo. Neste momento, não sabemos onde Deus está e qual o seu aspeto. Mas ao praticarmos Yoga, vemo-Lo em primeira mão. Tal como no mundo material, alcançamos sucesso na nossa atividade escolhida pela prática constante, assim também no mundo espiritual, ao praticar Yoga, alcançamos o objetivo de Objetivos – a Realização de Deus.